Segurança e Limpeza

Coleta seletiva em condomínios: qual a importância desse gesto?

Avatar
Escrito por Seguridade

Atualmente, a ideia de sustentabilidade vem crescendo bastante, sendo uma grande aliada daqueles que exploram os recursos naturais necessários e que desejam preservar o meio tão precioso em que vivemos.

Nesse contexto, vale ressaltar que essa atitude começa na própria sociedade. Um bom exemplo é a coleta seletiva em condomínios. Por conta de sua abrangência e eficácia, é uma prática que traz inúmeros benefícios a moradores e cidadãos de um município.

Mas, de fato, qual a importância da coleta seletiva em condomínios? Como ela pode ser praticada de forma correta? A resposta para essas perguntas você confere a seguir!

Importância da coleta seletiva

Embora seja simples, essa atividade abrange uma série de fatores e pode gerar ótimas consequências para a natureza e para a sociedade. Só para se ter uma ideia da sua importância, quando efetuada com eficácia e máximo interesse, a coleta seletiva possibilita benefícios de curto e longo prazo, tais como:

  • ajuda na preservação do meio ambiente, impedindo que explorações abusivas de recursos naturais sejam realizadas;

  • diminui a proliferação de ratos e outras pragas urbanas no condomínio e em locais que servem de depósito de lixo;

  • reduz consideravelmente o índice de poluição;

  • gera empregos nos setores de recolhimento e reciclagem do lixo;

  • auxilia no desenvolvimento da economia do país, já que engloba diversas áreas e permite uma redução de custos de forma geral.

Impactos no meio ambiente

Infelizmente, nos dias atuais, ainda sofremos constantemente com o despejo inadequado do lixo. Quando não tratado da forma correta, ele afeta diretamente o meio ambiente. Por esse motivo, cada vez mais, a coleta seletiva vem se tornando uma aliada no combate a esse mal tão comum.

Quando despejado de forma inadequada em aterros e lixões, o lixo que poderia ser reciclado vira um vilão. Isso porque, com o passar do tempo, os resíduos liberam chorume, uma espécie de líquido viscoso que afeta lençóis freáticos e pode desestabilizar ecossistemas inteiros, resultando na extinção de inúmeras espécies.

Nas ruas e calçadas, os impactos também são negativos, visto que o lixo pode atrair ratos e outros animais transmissores de doenças ou entupir os sistemas de esgotos e, consequentemente, contribuir para o aumento da poluição local.

Por esses e outros motivos, a coleta seletiva deve ser amplamente incentivada, ainda mais em condomínios, locais em que existe uma maior quantidade de pessoas para ajudar.

Dicas para a implantação da coleta seletiva em condomínios

Por ser tão importante para o meio ambiente e para a manutenção da sociedade de forma geral, quanto mais a coleta seletiva for empregada, melhor. A seguir, listamos algumas dicas de como praticar a coleta seletiva em condomínios de forma que os moradores também possam contribuir com o meio ambiente.

Estime a quantidade de resíduos gerados

Essa é uma medida que visa calcular o número de moradores e quanto, em média, cada residência produz de lixo. Com essa informação em mãos, pode-se determinar a quantidade de lixeiras disponibilizadas e a frequência ideal de coleta.

Caso o condomínio contrate um serviço especializado de coleta de materiais recicláveis, é possível programar as coletas e saber o volume a ser transportado. Posteriormente, é importante conhecer cada tipo de resíduo descartado pelos residentes. Em geral, o volume de plástico tende a ser maior devido à sua utilização em embalagens. Contudo, também é relevante a incidência de outros materiais como:

  • papel;

  • vidro;

  • alumínio;

  • orgânicos.

Divulgue a novidade entre os moradores

A adesão dos residentes é essencial para esse tipo de iniciativa, portanto informe os moradores para que todos estejam cientes do que é a coleta seletiva e de sua importância para o meio em que vivemos.

Uma das formas de obter maior engajamento é incluir voluntários na comissão para ajudar a disseminar boas práticas e contribuir para a fiscalização da aderência ao projeto de coleta seletiva. Com a criação de uma comissão de funcionários, as atividades poderão ser melhor separadas e realizadas por diferentes pessoas, que estarão juntas pelo mesmo ideal.

Obtenha os recursos necessários

O primeiro passo para colocar esse projeto em andamento é a aquisição de lixeiras com divisão por cor, de forma que a separação e o recolhimento do lixo sejam feitos com praticidade. Além disso, reforce a ideia de que pilhas, lâmpadas e baterias não são recicláveis, pois são tóxicas.

Para a coleta, lembre-se de contar com ONGs, grupos terceirizados ou a própria prefeitura do município a fim de que o lixo seja recolhido e transportado ao local apropriado. Essa é uma medida que garante maior segurança no manuseio de materiais inflamáveis e produtos químicos.

Expansão da coleta seletiva em condomínios comerciais

Já falamos sobre a forma como os residentes de um condomínio podem contribuir com a separação dos resíduos produzidos. Porém, é fundamental expandir essa prática para o ambiente corporativo. Nesse sentido, estamos falando dos condomínios utilizados por empresas, entre as quais podem estar indústrias, centros de distribuição, transportadoras, entre outras.

Devido à execução de diversas atividades, esses locais são ainda mais propícios para a criação de políticas de coleta seletiva. Com dicas simples, sua empresa pode contribuir ainda mais para a proteção do meio ambiente.

Disponibilize local adequado para armazenamento

Os resíduos devem ser armazenados em locais apropriados enquanto aguardam a coleta pelas organizações responsáveis. Por esse motivo, é requerido manter um espaço que proteja os materiais da chuva, por exemplo, pois isso pode causar a oxidação de resíduos metálicos.

A mesma regra vale para os materiais cujo componente é o papel, na medida em que sua capacidade de reciclagem depende da integridade das fibras. Assim, crie espaços para armazenamento do lixo identificando claramente cada tipo de material para que o descarte ocorra da forma correta.

Elabore campanhas de conscientização

Além de amplo planejamento, implantar esse tipo de iniciativa envolve a participação dos colaboradores de todos os níveis hierárquicos. Portanto, crie formas de disseminar a informação de forma ampla por meio de:

  • treinamentos;

  • cartazes;

  • campanhas de conscientização;

  • distribuição de folhetos explicativos.

Em conjunto, todas essas ações são importantes, porém é necessário criar formas de verificar se as regras estão sendo seguidas. Assim sendo, adote o hábito de realizar visitas e vistorias nas áreas para identificar possíveis erros e reforçar as regras.

Crie parcerias para a coleta

No ambiente empresarial, o volume de material descartado é consideravelmente maior, porém também apresenta maior potencial para reciclagem. Em vista disso, é relevante incluir instituições especializadas em coleta seletiva nesse processo.

A forma como o material será enviado pode variar de acordo com a estratégia da empresa. Ele pode ser doado para ONGs que, em troca, utilizam os recursos para manter o seu funcionamento.

Há também a possibilidade de contratar empresas terceirizadas que trabalham com metais como alumínio e outros rejeitos industriais com o intuito de possibilitar sua reutilização em outros produtos. Essa é uma das opções mais adotadas, pois oferece a possibilidade de retorno financeiro por um material que seria descartado.

A importância da coleta seletiva em condomínios, tanto residenciais como comerciais, vem crescendo cada vez mais por ser uma questão crucial para aqueles que procuram cuidar do meio ambiente, até mesmo, nas atividades mais simples do cotidiano, como o despejo do lixo. Mas também, não poderia ser diferente, não é mesmo? Isso porque são os pequenos atos realizados em equipe que fazem a verdadeira diferença para um futuro melhor.

Gostou deste post? Aproveite que está por aqui, entre em contato conosco e saiba mais sobre os serviços terceirizados que temos para oferecer!

Sobre o autor

Avatar

Seguridade

A Seguridade é uma empresa consolidada no mercado, atendendo toda a região Sul do país e o estado de São Paulo, nos tornamos referência nos segmentos de segurança privada, limpeza e conservação, jardinagem, bombeiros industriais, serviços de rh e outros serviços.

Deixar comentário.

Share This