Segurança e Limpeza

Vantagens em manter a limpeza e a conservação no ambiente de trabalho.

Avatar
Escrito por Seguridade

Por que e quais as vantagens em manter a limpeza e a conservação no ambiente de trabalho?

Para responder isso, precisamos entender a importância da limpeza!

A LIMPEZA pode ter um sentido diferente para pessoas diferentes. Seguimos padrões de limpeza que não são iguais em todo o mundo e, devido à nossa criação, as pessoas têm conceitos diferentes sobre a limpeza.

No passado, em muitos países, um ambiente comercial ou uma escola limpa e organizada ajudavam os colaboradores e os estudantes a criarem bons hábitos de limpeza. Atualmente, algumas empresas e escolas estão tão cheias de lixo e de entulho que se parecem mais com uma lixeira do que com um lugar para profissionais, brincadeiras ou exercícios. 

Mesmo assim, alguns acham que a limpeza é um assunto pessoal e ninguém deve se envolver nisso. É isso realmente verdade?

The New England Journal of Medicine relatou que médicos e enfermeiras que não lavam as mãos podem ser uma explicação para as infecções que pacientes de hospitais contraem e que custam US$ 10 bilhões por ano para curar. 

Mas nós certamente esperamos que ninguém coloque nossa saúde em perigo por causa de hábitos sujos.

Suellen Hoy, no seu livro Chasing Dirt (À Caça da Sujeira) pergunta: “Somos tão limpos como costumávamos ser?” Ela responde: “Provavelmente, não”.

Podemos citar ainda como um dos principais motivos a mudança dos valores sociais. Como as pessoas passam cada vez menos tempo em casa, elas simplesmente pagam alguém para fazer a limpeza. Portanto, manter um ambiente limpo não é mais um assunto de importância pessoal. 

Temos certeza de que a limpeza é muito mais do que a aparência exterior. É um abrangente conjunto de regras para se levar uma vida sadia. É também um estado mental e de coração, envolvendo nossa moral e nossa adoração. 

Nos séculos 18 e 19, na Europa e nos Estados Unidos, as condições anti-higiênicas eram grandes, fazendo que os missionários naquele período pregassem o que se poderia chamar de “uma doutrina de limpeza”. Essa doutrina igualava a imundície ao pecado, ao passo que se dizia que a limpeza aproximava a pessoa de Deus. E talvez foi isso que popularizou o axioma ‘a limpeza e a santidade andam juntas’.

Axiomas são verdades inquestionáveis universalmente válidas, muitas vezes utilizadas como princípios na construção de uma teoria ou como base para uma argumentação.

A palavra axioma deriva da grega axios, cujo significado é digno ou válido. Em muitos contextos, axioma é sinônimo de postulado, lei ou princípio. 

Esse foi o ponto de vista adotado pelo Exército de Salvação, fundado por William e Catherine Booth. Segundo o livro Health and Medicine in the Evangelical Tradition (Saúde e Medicina na Tradição Evangélica), um dos mais antigos lemas era: “Sabão, Sopa e Salvação.” 

O francês Louis Pasteur, juntamente com outros, demonstrou, além de qualquer dúvida, a relação entre doença e bactérias. Isso só deu mais ímpeto e uma base científica para melhores planos de saúde pública.

Podemos, assim, considerar as vantagens em manter a limpeza e a conservação em nosso ambiente de trabalho.

Tendo um ambiente de trabalho organizado e conservado (limpo), além de favorecer a facilidade da demanda do trabalho, ajuda a manter a saúde e as necessidades fisiológicas dos indivíduos. Também beneficia o desenvolvimento, a conduta e a alta performance da empresa, visto que, ao trabalhar em um local que promove o bem estar, os colaboradores se sentem mais motivados e exercem suas funções de forma eficaz. A conservação (limpeza) do espaço também previne acidentes, mantendo o local organizado.

Um local de trabalho onde falta limpeza e higiene pode alavancar tanto problemas para a empresa quanto para os profissionais, como:

  1. Proliferação de doenças infecciosas e degenerativas;
  2. Queda na qualidade de vida dos colaboradores;
  3. Queda na motivação;
  4. Enfraquecimento da higiene pessoal dos profissionais;
  5. Depreciação dos produtos/serviços;
  6. Sensação de cansaço e desânimo entre os colaboradores.
  7. Redução da produtividade;
  8. Deterioração dos equipamentos e materiais.

Podemos afirmar que, para que um ambiente de trabalho seja mantido sempre conservado e asseado, todos devem colaborar com a conservação do espaço. Isso não significa que todos os dias a empresa deve se mobilizar para realizar limpeza de conservação e/ou grupos de limpeza; mas devemos criar uma rotina de organização e limpeza do espaço, que pode ser feita diariamente, lembrando que pequenas ações são capazes de influenciar o resultado como um todo.

Um sistema bem eficiente é o método 5S, criado para manter a limpeza e a ordem do ambiente de trabalho. Atualmente, este método é muito utilizado, e consiste na ideia sugestiva de que todas as pessoas que compõem uma empresa, a partir do momento que se comprometem em melhorar o ambiente de trabalho, podem auxiliar no desenvolvimento da organização.

Assim, os cinco S consistem em:

  • 1º S: Seiri – Senso de Utilização;
  • 2º S: Seiton – Senso de Ordenação;
  • 3º S: Seisou Senso de Limpeza;
  • 4º S: Seiketsu – Senso de Padronização;
  • 5º S: Shitsuke – Senso de Autodisciplina.

Podemos destacar que o terceiro senso nos fala a respeito de limpeza. Segundo ele, o ato de limpar (conservar) deve fazer parte da rotina de trabalho de todos os envolvidos dentro da empresa, desde o P ao P.

Por isso, o profissional deve manter o seu setor conservado e asseado, bem como ajudar na conservação dos espaços comuns, como: descobrir e eliminar focos de sujeira, evitar poluir a empresa, preservar também os materiais e equipamentos etc.

Como podemos ter ações para manter o ambiente de trabalho limpo?

Criando, como já mencionado, um POP (cronograma), além de coletar sugestões e obter medidas para que todos possam ajudar na conservação e no asseio da organização, tais como:

  • Manter as áreas comuns da empresa livres de itens como caixas, ferramentas e materiais desnecessários;
  • Não acumular lixo e sujeira na mesa de trabalho;
  • Limpar móveis e equipamentos com produtos adequados;
  • Estipular um local adequado para fazer a armazenagem desses itens;
  • Não comer na mesa de trabalho, evitando, assim, a proliferação de germes e insetos.

Com isso, teremos os benefícios da limpeza, organização e conservação no ambiente de trabalho, trazendo vantagens tanto para a empresa como para seus profissionais. Por exemplo:

  • Favorece a qualidade de vida e saúde do quadro de colaboradores;
  • Aproveita de forma eficaz o local de trabalho;
  • Gera credibilidade para a empresa entre os profissionais, clientes e o mercado como um todo;
  • Promove o relacionamento interpessoal entre os colaboradores;
  • Propicia a conservação dos equipamentos e materiais utilizados na organização;
  • Facilita a localização dos equipamentos e materiais;
  • Gera conscientização e disciplina;
  • Minimiza os acidentes de trabalho;
  • Reduz perdas, desperdícios e custos operacionais;
  • Contribui com o meio ambiente;
  • Auxilia na otimização do tempo;
  • Promove a criatividade entre as equipes;
  • Maximiza a alta performance e entrega de resultados.

Podemos concluir que manter o ambiente de trabalho limpo e organizado só nos faz bem e traz excelentes benefícios para o corpo e mente!

 

(Por: Luciano Correa Martins Poderá ser reproduzido desde que mantenha a autoria.)

Como é o processo de seleção e recrutamento na sua empresa? Você já pensou em terceirizar alguma atividade? Compartilhe conosco suas experiências. Deixe-nos um comentário!

Limpeza no ambiente de trabalho.

Sobre o autor

Avatar

Seguridade

A Seguridade é uma empresa consolidada no mercado, atendendo toda a região Sul do país e o estado de São Paulo, nos tornamos referência nos segmentos de segurança privada, limpeza e conservação, jardinagem, bombeiros industriais, serviços de rh e outros serviços.

Deixar comentário.

Share This