Gestão de Pessoas e RH

Quem é o profissional de headhunting e o que ele faz? Entenda!

Avatar
Escrito por Seguridade

A contratação de um profissional compatível com a cultura da empresa e com os conhecimentos adequados para o desempenho de suas funções pode ser um desafio árduo. Muitas empresas sofrem com elevados níveis de turnover e buscam soluções, como o serviço de headhunting, para realizar o recrutamento.

O trabalho desse profissional, chamado headhunter, pode contribuir de forma significativa para encontrar a pessoa certa para preencher a vaga na sua empresa. Essa medida permite que o gestor de Recursos Humanos foque a sua atenção em aspectos de caráter estratégico para o negócio.

Para saber mais sobre esse assunto, prossiga com a leitura deste post. Confira!

O conceito de headhunting

Essa é uma expressão em inglês que pode ser traduzida literalmente como “caçar cabeças”. Porém, na verdade esse profissional é especialista em caçar talentos no mercado. Como já foi dito, grande parte do trabalho da área de recrutamento é encontrar profissionais adequados para preencher posições dentro de uma empresa.

Por outro lado, enquanto as formas de recrutamento tradicional são muito abrangentes, com o recebimento de uma grande quantidade de candidaturas, o headhunter inverte o processo. A sua atuação é buscar profissionais diretamente que já possuem experiência e formação na área em questão.

O surgimento da atividade de headhunting

Existem muitas fontes de informação que atribuem o surgimento da função de recrutador especialista desde as décadas de 1950 e 1960. A sua função era identificar profissionais qualificados para ocupar cargos de alto escalão em grandes corporações.

Em geral, essa contratação tinha o objetivo de renovar a gestão da empresa, o desenvolvimento de projetos e a liderança em períodos de mudança ou instabilidade econômica.

Atualmente, a sua atuação é ainda mais abrangente e trabalha com cargos de diversos níveis hierárquicos.

A atuação do profissional de headhunting

No momento de montar um time com as qualificações, competências e experiências necessárias, o gestor se depara com o desafio de escolher pessoas que podem desempenhar essas funções.

São muitos fatores a serem considerados, por exemplo, a equipe deve ser capaz de trabalhar bem em conjunto e deve ter habilidades complementares. Além disso, a integração com os valores da empresa e a conduta esperada dos profissionais deve ser incentivada.

É importante levar em consideração os aspectos objetivos e subjetivos da atividade de recrutamento. Por um lado, a objetividade tem origem na avaliação de aspectos como:

  • idade;
  • domínio de idiomas;
  • grau de escolaridade; e
  • experiência em empresas de determinado setor.

Já a subjetividade, razão pela qual a escolha de um candidato é feita, observa fatores como empatia e entrosamento. Esse é o elemento emocional que afeta a decisão que vai além da aptidão profissional.

Por isso, a contribuição de um headhunter é um aspecto tão importante para a obtenção de resultados satisfatórios.

As características de um bom headhunter

Antes de tudo, um headhunter é um fornecedor que presta um serviço muito específico, portanto, essa figura deve ser avaliada como tal. Listamos algumas características que fazem deste um profissional com relevância estratégica.

Capacidade de comunicação

Esse é um dos principais fatores que exerce influência em duas situações. A primeira delas é no contato com a empresa que está recrutando profissionais. É muito comum que o headhunter tenho contato com o gestor de RH e com o gestor da área contratante para conhecer mais sobre a empresa, sobre os funcionários e a sua cultura.

Quanto mais conhecimento sobre a estrutura interna, mais simples será de encontrar um profissional compatível.

Já o segundo momento, a comunicação tem relação com a condução das entrevistas dos candidatos. O headhunter também é um profissional de RH e conhece sobre o processo de recrutamento e entrevista. Porém, o seu trabalho é aprofundar-se:

  • na cultura;
  • na estratégia;
  • nas expectativas; e
  • nos processos de trabalho.

O seu principal objetivo é encontrar os melhores talentos, atuando como um mediador.

Atenção aos detalhes

Além de construir uma base de clientes, esse profissional constrói um banco de dados de currículos com os mais variados perfis. É importante advertir que as demissões nem sempre estão relacionadas à performance, mas sim a condutas que não são compatíveis com a cultura organizacional.

Portanto, o headhunter deve ser capaz de observar o comportamento dos candidatos avaliando também os seus pontos fortes e fracos. Afinal, o propósito não é simplesmente contratar um funcionário. A real finalidade é ajuda-lo a construir uma carreira na empresa que precisa dos seus atributos e conhecimentos.

Foco em competências de liderança

Os headhunters são conhecidos pela sua atuação junto a grandes empresas que buscam contratar diretores e outros cargos de alta hierarquia. Porém, a tendência gerencial pode ser encontrada em diversas posições.

Muitas organizações investem em programas de desenvolvimento de liderança pensando em desenvolver os futuros gerentes internamente. Essa é uma vantagem que demonstra não somente a progressão na carreira, mas a valorização do profissional que já atua e já conhece as particularidades do negócio.

Habilidade de realizar networking

Novamente, a habilidade de comunicação e de estabelecer contatos vem à tona nas atividades do headhunter. Esse é um dos seus diferenciais que possibilita encontrar profissionais qualificados em sua própria base de relacionamentos.

A tecnologia e as redes sociais também têm sido fundamentais para abordar os profissionais e apresentar opções diversificadas para a empresa contratante. Por isso, a sua visão sobre o mercado e a habilidade de lidar com pessoas favorecem o networking.

Priorização e planejamento

É impossível citar uma janela de tempo específica para encontrar o funcionário ideal, esse é um processo que exige pesquisa e tempo. Portanto, esse profissional deve ser capaz de gerenciar tanto as expectativas de seus clientes como dos candidatos que entrevista.

Depois de conhecer um pouco mais sobre a empresa e o seu funcionamento, o headhunter tem condições de elaborar uma lista de recomendações com os candidatos mais compatíveis com o escopo da vaga.

A missão do profissional de headhunting é encontrar candidatos talentosos para assumir cargos em organizações de todos os tipos. Contudo, o seu foco não é encontrar o mais talentoso no mercado, mas sim aquele que alia as qualificações requeridas para o cargo e que se encaixe na empresa.

A compatibilidade é o fator que promove a retenção de talentos, reduz os níveis de rotatividade entre os colaboradores e fornece perspectivas de crescimento na carreira.

A sua empresa nunca sabe quando vai precisar dos serviços deste profissional. Por isso, assine a newsletter e fique atualizado sobre as novidades na área de Recursos Humanos.

Sobre o autor

Avatar

Seguridade

A Seguridade é uma empresa consolidada no mercado, atendendo toda a região Sul do país e o estado de São Paulo, nos tornamos referência nos segmentos de segurança privada, limpeza e conservação, jardinagem, bombeiros industriais, serviços de rh e outros serviços.

Deixar comentário.

Share This