Terceirização

Redução de custos em facilities: 5 dicas essenciais

Escrito por Seguridade

Desde que as crises financeiras atingiram as grandes empresas ao redor do globo, a política de redução de custos passou a imperar no mercado mundial. Até mesmo como uma forma de defesa preventiva, os empresários tiveram que se adaptar a esse novo cenário.

Porém, ao mesmo tempo em que o controle de gastos é uma realidade global, a exigência por serviços de qualidade só aumenta. Com o advento da internet, o consumidor mudou a sua maneira de enxergar as marcas e já não aceita mais o básico como um padrão empresarial.

Então, para não errar, uma ótima alternativa é começar a redução de custos pelas atividades gerais, as chamadas facilities. Assim, a empresa passa a diminuir seus gastos, sem precisar mexer nas engrenagens mais importantes.

Continue lendo e veja 5 dicas essenciais para realizar essa redução de custos em facilities. Boa leitura!

1. Opte pela terceirização

A terceirização de serviços  é um recurso cada vez mais utilizado nas grandes empresas, principalmente pelas PMEs (pequenas e médias empresas), que tendem a transformar uma série de atividades em externas, para que possam se concentrar nas áreas que realmente são específicas para o negócio e verdadeiramente produtivas.

Essa opção permite às empresas focar aspectos estratégicos dos seus próprios negócios, ou seja, aqueles que, de fato, proporcionam os benefícios para suas atividades.

Com a terceirização de serviços, sua empresa melhora em rentabilidade e eficiência, bem como reduz os custos significativamente. Afinal, as organizações que se dedicam à terceirização executam as atividades com sua própria equipe de especialistas, que têm muita experiência e se profissionalizam em áreas ou atividades específicas.

Além disso, as terceirizadas podem oferecer um serviço global, realizando um sistema integral, no qual exercem uma grande quantidade de processos ou tarefas para muitas empresas, o que faz com que sejam rentáveis. Ou seja, por terem vasta experiência com diversas marcas, as instituições terceirizadas são capazes de executar com maestria os serviços para quais são contratadas.

Enfim, para iniciar da melhor forma o planejamento de redução de custos, é interessante optar pela terceirização de alguns serviços, como por exemplo, os de facilities.

2. Escolha uma empresa de confiança

Se você optou pela terceirização, então o próximo passo é escolher uma empresa de confiança. Ainda que essa pareça uma dica simples ou até mesmo sem importância, saiba que uma escolha errada nesse ponto pode acarretar altos custos para o seu negócio, em diferentes esferas.

Por exemplo: se a empresa terceirizada tiver um histórico de atraso com as obrigações dos funcionários, isso pode refletir diretamente na qualidade oferecida pelo seu negócio para o seu cliente final. Isso porque nenhum profissional se mostra empenhado em um cenário adverso.

Sendo assim, o que deveria ser um ponto positivo vai se tornar uma dor de cabeça para o empreendimento contratante. Então, antes de escolher definitivamente a empresa terceirizada, é essencial seguir essas dicas:

  • realize uma pesquisa sobre o histórico da empresa;
  • entre em contato com contratantes anteriores;
  • certifique se a empresa não possui pendências na justiça por questões trabalhistas, empresariais, entre outros;
  • analise o tipo de contrato com que a terceirizada costuma trabalhar.

3. Contrate quem preza pela qualidade e profissionalismo

Como dito, teoricamente, as empresas terceirizadas possuem um corpo efetivo de especialistas à disposição das instituições contratantes. Todavia, nem sempre a teoria é refletida na prática.

Sendo assim, não basta apenas pesquisar sobre o histórico. É necessário analisar se a empresa terceirizada tem na contínua profissionalização e capacitação um dos principais pontos entre os seus valores. Isso é importante, pois, na prática, é o que mostrará se a redução de custos com facilities será possível para o seu negócio.

Uma dica interessante nesse sentido: realize visitas às instalações da empresa antes de fechar algum contrato. Nesse ínterim, é indicado conversar com alguns funcionários e discorrer sobre as formas de trabalho, treinamento e capacitação desenvolvidas pela empresa.

4. Utilize novas tecnologias

Por incrível que pareça, em pleno século 21, ainda existem empresários que não utilizam a tecnologia como uma das suas maiores aliadas. Implementar o que há de mais moderno em suas respectivas áreas é uma das maneiras mais eficientes para redução de custos.

Ainda que, em sua maioria, as atividades de facilities sejam braçais, já existem ferramentas tecnológicas que ajudam tanto na execução quanto na qualidade do serviço. Ou seja, o profissional não apenas terá maior facilidade na sua rotina, como também será mais eficaz.

Além disso, apostando em tecnologia, a empresa conseguirá identificar em quais serviços é realmente necessária uma quantidade maior de funcionários, podendo enxugar o seu coletivo. Isso, naturalmente, irá refletir em uma redução de custos sem uma queda na produtividade ou na excelência do serviço prestado.

5. Melhore o gerenciamento dos recursos humanos

Nesse processo de globalização em que vivemos, é preciso, urgentemente, pensar em uma gestão eficaz e eficiente dos sistemas organizacionais e da administração dos recursos humanos. O fato é que essa realidade exige respostas empresariais adequadas, que permitam a sobrevivência dos negócios.

O correto gerenciamento dos recursos humanos diagnóstica e melhora a função de sua área de prestação de serviços. Por isso, é importante criar um processo que garanta a realização das estratégias desse setor. 

A organização do RH agrega valor à empresa e define a visão, missão e prioridades da função de acompanhamento da rotina dos funcionários. O gerente ou diretor de recursos humanos deve abandonar o antigo papel de chefe de pessoal, cuja tarefa terminou no cumprimento adequado das leis. É preciso converter estratégias de negócios em prioridades de recursos. 

Afinal, garantir que os profissionais tenham à disposição as melhores ferramentas e meios no dia a dia é também uma forma inteligente e eficaz de contenção de gastos e do aumento da produtividade. Com o apoio vindo da parte administrativa, o engajamento por parte de todos acontece automaticamente.

Enfim, existem inúmeras possibilidades para redução de custos quando se trata de facilities. Terceirizar uma gama de serviços é, sem dúvida, uma das saídas mais inteligentes de fazer isso. Porém, é importante uma análise interna antes de definir as escolhas. É essencial adaptar às mudanças para cada realidade específica.

Então, gostou das dicas para redução de custos? Aproveite para baixar e conferir nosso guia sobre gerenciamento de facilities?

Sobre o autor

Seguridade

A Seguridade é uma empresa consolidada no mercado, atendendo toda a região Sul do país e o estado de São Paulo, nos tornamos referência nos segmentos de segurança privada, limpeza e conservação, jardinagem, bombeiros industriais, serviços de rh e outros serviços.

Deixar comentário.

Share This